Brooklyn Black Chocolate Stout

Publicado: 19/03/2017


Stout é um estilo inglês de cerveja escura surgida a partir das Porters. Reza a lenda que  "stout" era uma expressão que significava forte, indicando que uma cerveja stout, no século 18, seria nada mais do que uma porter mais encorpada ou alcoólica. Historicamente, porters e stouts dividem o palco como irmãos quase gêmeos, embora a indústria tenha feito um esforço enorme para investir em elementos de diferenciação entre eles. 

 Um dos elementos mais interessantes das Stouts (e também das  Porters) é a quantidade de pequenas variações em torno do estilo  básico, comumente  designado Dry Stouts ou Irish Stout. As Milk (ou  Sweet ou Cream) Stouts recebem lactose na formulação tendendo a ser  doces, possuir sabor com  um  toque de  cereais torrados, espuma  muito cremosa, pouco gás e baixo volume de álcool. Já as Outmeal  Stouts usam aveia no lugar da lactose. De cor muito escura, sabor  puxando para malte torrado e aveia, corpo espesso e boa presença de  gás, as outmeal são bastante suaves e podem  dar a impressão que se  está bebendo chocolate quente ou café açucarado. As Foreign Stouts  são uma versão mais forte e com mais lúpulo das Irish Stouts  produzidas para suportar as longas viagens até as colônias britânicas.


E temos, por fim, as Imperial Stouts ou Russian Imperial Stouts, como são frequentemente chamadas. É o estilo desta Brooklyn Black Chocolate. São as rainhas das Stouts. A origem do nome remonta à época em que as cervejeiras inglesas elaboravam produtos de caráter forte, com intenso sabor de malte torrado e lúpulo, destinadas aos países bálticos e à Rússia, onde eram muito apreciadas pela Corte Imperial. Para suportar as viagens, essas bebidas possuíam igualmente um elevado teor de álcool, com percentagens que variavam entre os 8 e os 12%. Como características apresentam pouco gás, forte sabor de chocolate e malte torrado, cor muito escura e grande complexidade.


A Brooklyn Black Chocolate Stout faz juz às grandes características do estilo. Fabricada com seis maltes diferentes e passando por um processo de seis meses de envelhecimento, apresenta sabor marcante de café torrado e chocolate amargo, e malte bem pronunciado. Encorpada, alto teor alcoólico (10,0%), consistência levemente licorosa, intensa e deliciosa. A cor é negra e opaca, espuma com bolhas pequenas e persistentes, de cor marrom, carbonatação mediana e final seco. Delicioso aroma revelando chocolate, caramelo e malte torrado.


Esta cerveja deve ser apreciada a temperaturas amenas, por volta de 12 graus. Acompanha queijos fortes e chocolates mas talvez a melhor forma de se curtir uma Imperial Stout seja fumando um charuto ou cigarrilha, no final de uma fria tarde de inverno

Garanta já a sua Brooklyn Black Chocolate Stout

Voltar